Opinião: O alcance dos poderes jurisdicionais dos juízes após a morte

Em março de 2017, a 2ª Turma do Supremo Tribunal Federal proferiu decisão de rejeição de embargos de declaração apresentados ao ARE 803.462 AgR-ED/MS. Integraram a maioria dessa decisão não unânime os ministros Gilmar Mendes e Celso de Mello, que acompanharam a decisão do relator, o ministro Teor…

Matéria completa na fonte :: https://www.conjur.com.br/2019-mar-12/opiniao-alcance-poderes-jurisdicionais-juizes-morte

      

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *