É possível a inscrição em dívida ativa de valores pagos indevidamente pelo INSS?

Entenda como interpretar a posição do STJ após o advento da Lei 13.494/2017

Source:: Direito Societário

      

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *